Mafra entre os locais escolhidos para mobilização pelo clima

 

Fotografia: DR

 

O movimento Greve Climática Estudantil convocou uma nova Mobilização pelo Clima para o dia 19 de Março, a próxima sexta-feira, e Mafra encontra-se entre os locais escolhidos para esta iniciativa.

Esta acção encontra-se inserida no movimento internacional Fridays For Future, que pretende consciencializar a comunidade para a temática das alterações climáticas.

em Mafra, a mobilização está agendada para as 17 horas junto ao Palácio Nacional

Os estudantes apelam à participação nas acções online e presenciais (como é o caso mafrense) que se encontram marcadas para todo o país. “Face a todas as promessas vazias, de líderes e instituições, precisamos de um plano real, construído pelo movimento por justiça climática, por todas as pessoas, para todas as pessoas”, afirmam os organizadores em comunicado.

Um dos pontos que os estudantes querem ver resolvido é que a sociedade tenha em conta “tanto os e as empregadas nos sectores poluentes, como as pessoas que foram mais abaladas pela crise pandémica”. O objectivo principal será que a vida seja posta no centro de todas as decisões, dizem.

“Reivindicamos a criação de milhares de empregos para o clima nos setores-chave que reduzam as emissões e o encerramento das infraestruturas mais poluentes, garantindo a protecção e requalificação dos trabalhos. A solução da crise climática também exige a criação de um plano habitacional; a criação de um plano nacional florestal e agrícola, fundamentado na agroecologia e na permacultura; o incentivo a projectos benéficos às zonas rurais e que proceda à adequação das áreas florestais às condições climáticas actuais e futuras; a integração do estudo das alterações climáticas e da ecologia nos currículos escolares, entre outras”, aponta ainda o comunicado.

Até agora, são 18 as localidade confirmadas nestas manifestações — Alcácer do Sal, Algarve, Aveiro, Bragança, Caldas da Rainha, Coimbra, Entroncamento, Évora, Guimarães, Lamego, Lisboa, Mafra, Montijo, Odemira, Pico, Porto, Setúbal e Viseu.

Em todas as localidades haverá protestos online, mas algumas terão ainda encontros presenciais marcados. Em Lisboa será às 16:30 na Praça José Fontana e às 17:30 no Martim Moniz; em Mafra, a mobilização está agendada para as 17 horas junto ao Palácio Nacional; em Aveiro será no Parque do Rossio e no Parque da Fonte Nova às 17 horas; e no Algarve o encontro está marcado para as 16:30 no Mercado Municipal de Faro.

“Convocamos todos e todas para exigir respostas reais ao grande desafio dos nossos tempos, tomando as devidas medidas de higiene que assegurem a segurança de todos os participantes, no caso de acções presenciais”, garante ainda a Greve Climática Estudantil.