A Ericeira pelos Olhos de Paulo Martins

 

Fotografia: DR

 

Bilhete de Identidade

Paulo Morais Martins, também conhecido como ‘Pescas’

Nascido a 13 de Abril de 1966 em Luanda, Angola

Empresário

A Ericeira é a minha terra

Em 2017, a Câmara Municipal de Mafra atribuiu a Medalha de Mérito Municipal, Grau Ouro, à empresa Despomar na pessoa do seu Director Geral, Paulo Martins.

 

A Ericeira é a minha terra. Vila centenária, piscatória, linda, com grande carisma e personalidade…

 

O que mais ama e menos gosta na Ericeira?

O que mais amo são as suas gentes e as suas praias… O que menos gosto talvez seja a pressão humana em todas as suas versões…

 

Quais são as suas principais preocupações no presente e para o futuro da Ericeira?

Preocupo-me bastante com a sustentabilidade da vila e das suas praias, nomeadamente na cada vez maior pressão causada pelo grande aumento de população local e turística. Claro que o turismo tem as suas coisas boas e más, mas imagino que no futuro se tenha que controlar, de alguma maneira, o número de surfistas, ao mesmo tempo, em determinada praia ou pico. A Ericeira é, na minha opinião a melhor zona para o surf em Portugal e uma das melhores na Europa e no mundo, pelo que esta tendência só vai aumentar.

acho que sou um Ericeirista

O que é ser Jagoz?

Nascido e criado na Ericeira! Pelos Jagozes puristas, só é Jagoz o filho de Jagozes… Há uma teoria engraçado sobre este tema: Ericeiristas são as pessoas que se mudaram para a Ericeira, eu sou um exemplo; Ericeirenses, os meus filhos, que nasceram e estão a ser criados na Ericeira. Os filhos dos meus filhos, se a mãe deles for Jagoza ou Ericeirense, acho que já poderão ser considerados Jagozes…

 

Considera-se Jagoz?

Pelo que disse em cima, acho que sou um Ericeirista [risos].