Tomás Fernandes vai ao Algarve defender a liderança na Liga Meo Surf

 

Fotografia: Pedro Mestre / ANSurfistas

 

“Quero chegar ao Algarve e dar o melhor e, se possível, ganhar, para ficar o mais próximo possível do título” – é este o estado de espírito de Tomás Fernandes, líder do Santander ranking masculino, a poucos dias do arranque do Allianz Algarve Pro, que marca o regresso ao Sul do país do circuito nacional de surf 5 anos depois.

O atleta do Ericeira Surf Clube (ESC) acrescentou ainda mais dados sobre a sua participação nesta etapa da Liga Meo Surf: “O Algarve é um sítio bastante característico e lembro-me que nos campeonatos que já lá fizemos o mar esteve sempre bom, especialmente um ano com ondas grandes e boas. Tudo depende de como irão estar as condições, mas penso que esta pode ser uma boa etapa para mim. Vou para o Algarve à procura que tudo se alinhe para mim e para que as coisas corram da melhor forma possível. O meu interesse passa por ser campeão nacional. Não penso muito em que posição estou actualmente, pois quero é ser primeiro no final.”

O Allianz Algarve Pro, que se realiza de 21 a 23 de Julho na Praia do Amado, Concelho de Aljezur. poderá ser decisivo nas contas da Liga MEO, não apenas porque vai coroar os campeões da Allianz Triple Crown mas também por ser a penúltima prova do calendário, o que tem um peso indiscutível nas contas finais dos rankings, actualmente liderados por Tomás e Yolanda Sequeira.

Top 5 Santander Ranking Masculino:
1 – Tomás Fernandes
2 – Miguel Blanco
3 – Vasco Ribeiro
4 – Eduardo Fernandes
5 – Marlon Lipke

Top 5 Santander Ranking Feminino:
1 – Yolanda Sequeira
2 – Teresa Bonvalot
3 – Matilde Passarinho
4 – Carolina Santos
5 – Gabriela Dinis

Se já lemos as palavras do líder masculino, o que tem Yolanda Sequeira, líder do Santander Ranking feminino, a dizer?

“Penso que esta etapa pode ser decisiva para as contas do título. Estou a preparar-me como sempre faço, a treinar forte. Por sorte os prémios que ganho na Liga MEO Surf possibilitaram a minha vinda a um campeonato internacional na África do Sul, que vai servir de antecipação para o Allianz Algarve Pro. Voltar a casa para competir com os meus amigos todos a ver vai ser um orgulho. Já não surfo há algum tempo na Praia do Amado, mas acredito que o apoio que vou ter na praia vai jogar a meu favor. Ganhar em casa seria bom, mas o mais importante é fazer um resultado forte, porque já tenho um bom avanço no ranking. Quero sempre ganhar, mas desde que faça o meu melhor surf já fico feliz”.

Como já referimos, o Allianz Algarve Pro será a etapa de todas as decisões do Allianz Triple Crown, troféu lateral da Liga MEO Surf, que chega à Praia do Amado ao rubro, já que tanto no masculino como no feminino há dois surfistas empatados na liderança: Miguel Blanco (campeão nacional em título) e Vasco Ribeiro (tetra-campeão nacional em 2011, 2012, 2014 e 2017) no masculino; e Yolanda Sequeira (Vice-campeã nacional em título) e Teresa Bonvalot (Bi-campeã nacional em 2014 e 2015) no feminino.

Histórico de vencedores da Allianz Triple Crown:
2018: Gony Zubizarreta e Camilla Kemp
2017: Vasco Ribeiro e Carol Henrique
2016: Vasco Ribeiro e Carol Henrique
2015: Tiago Pires e Teresa Bonvalot

Em termos dos restantes troféus laterais, acrescem a luta pela melhor manobra na Renault Expression Session, pela Somersby Onda do Outro mundo, pela distinção dos melhores surfistas locais através do Algarve Best Surfer e os pontos desportivos para o Santander Award, sendo que público poderá ainda fazer as suas escolhas no Rip Curl Fantasy Surfer.