São Lourenço entre as praias sem poluição em Portugal

Praia de São Lourenço - ph. DR

 

Fotografia: DR

 

São Lourenço é a única praia do Concelho de Mafra a figurar no “quadro de honra” anunciado ontem pela ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável.

Por antecipação ao Dia Mundial dos Oceanos, que se comemora hoje, 8 de Junho, a ZERO divulgou as 44 praias ZERO poluição em Portugal, onde não foi detectada qualquer contaminação nas análises efectuadas às águas balneares ao longo das três últimas épocas balneares.

Os concelhos de Torres Vedras, com sete praias, o de Grândola, com quatro, Aljezur e Tavira (com três cada um) lideram esta lista.

“É um número significativo, representa cerca de 7% do total das 608 zonas balneares em funcionamento este ano”, disse ontem à agência Lusa o presidente da Associação Zero, Francisco Ferreira.

Praias ZERO Poluição 2018

Em comparação com 2017, este ano há mais 11 zonas balneares classificadas pela associação como “zero poluição”. Para o ambientalista, o aumento em 33% do número de praias sem poluição na comparação com o ano passado “é promissor”, acrescentando que “enquanto que de 2016 para 2017 tivemos uma redução do número de “praias zero”, este ano o número de zonas balneares classificadas como “zero poluição” aumentou, o que nos deixa particularmente satisfeitos”.

Com base em dados da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), a Zero identificou as praias que, nas três últimas épocas balneares, tiveram sempre classificação “excelente” e, nas análises à água, não apresentaram contaminação pelos dois parâmetros microbiológicos previstos na legislação para controlo – escherichia coli e enterococos intestinais.

a associação de defesa do ambiente aconselha a que só sejam frequentadas praias classificadas como zonas balneares

Do total das 44 zonas balneares sem poluição, apenas duas são interiores. As outras são costeiras ou de transição. A este respeito, o presidente da Zero referiu que “nas praias interiores é mais difícil conseguir este tipo de registo e há que destacar quer a praia de Santa Luzia, na Albufeira de Santa Luzia em Pampilhosa da Serra, quer Montes na Albufeira de Castelo do Bode, em Tomar”.

Com a época balnear a começar em vários locais ao longo da costa portuguesa, a associação de defesa do ambiente aconselha a que só sejam frequentadas praias classificadas como zonas balneares, onde há vigilância e onde se conhece a qualidade da água.

Alerta ainda que não devem ser deixados resíduos na praia, sendo encaminhados para a recolha selectiva, e devendo preservar-se a paisagem e os ecossistemas envolventes das zonas balneares.