Manjerico

 

Texto: Sophie’s mug | Fotografia: DR

 

Santo António apadrinha a estreia da Sophie’s mug na AZUL. Bem a propósito, nesta época de Santos Populares escreve-se sobre um elemento que os portugueses não dispensam, tal como as fogueiras e as sardinhas. Mas sabia que o manjerico, além de ser altamente simbólico e decorativo, também pode ser utilizado como erva aromática?

 

Gosta de manjericão? Nesse caso também deve gostar de manjerico. Este pertence à mesma família e género do manjericão. A grande diferença deve-se às folhas do último serem maiores e mais tenras, mas ambos têm praticamente o mesmo sabor e composição química.

Os portugueses usam o manjerico como um elemento simbólico na altura de Santo António e São João, realizados em 13 e 24 de Junho, respectivamente.

No entanto, podemos dar um passo mais à frente e passar a usufruir desta erva para aromatizar a nossa cozinha.

Podemos fazer omeletes, saladas, carnes e peixes temperados com o manjerico, ou juntar na massa, como já fazemos com o manjericão.
Outra alternativa, é usar as folhas para criar uma infusão aromática, que fica muito bem com uma raspa de limão ou de laranja. Esta erva trazida da Índia tem propriedades medicinais, nomeadamente para problemas digestivos. Também tem efeito diurético, relaxante e é útil para reduzir a flatulência.

Nos dias de calor, pode plantar o manjerico mesmo em frente da janela para repelir as melgas e outros insectos.

Molho de manjerico

Ingredientes:
Folhas de manjerico
2 dentes de alho
Sumo de limão
5 cm de gengibre fresco
1 fio de azeite
Sal

Preparação:
1. Descasque e rale o gengibre no ralador. Esprema a pasta de gengibre para obter o sumo.
2. Na taça do processador adicione as folhas de manjerico, 2 dentes de alho, o sumo de gengibre e o de limão, azeite e sal a gosto, e triture tudo até formar uma pasta.
3. Pode usar este molho com peixe, carne ou na massa.

Opcional: Pode adicionar nozes, pinhões ou outros frutos secos ao molho.

Molho de manjerico - ph. DR