John Witzig e a Ericeira dos anos 70

Ribeira d'Ilhas - ph. John Witzig

 

Fotografia: John Witzig

 

John Witzig é um dos mais lendários fotógrafos de surf, responsável por imagens que marcaram a indústria e o respectivo lifestyle de forma indelével.

Recentemente, o australiano partilhou na sua conta de Instagram fotografias da Ericeira na década de setenta do Século XX.

Sob o título “Locais aos quais tenho alguma ligação #6 – Ericeira, Portugal”, Witzig publicou duas montagens e um texto onde desenvolve a sua ligação à vila dos ouriços, actual Reserva Mundial de Surf.

Começando por contar que a sua primeira viagem à Ericeira data de 1976, quando arrendou um quarto com um amigo – decidiram vir movidos pelo magnetismo duma foto em que uma “onda linda quebrava sobre um fundo rochoso algures a Norte da vila”.

A primeira montagem partilhada mostra a dona dessa casa segurando uma flores oferecidas por John e o seu companheiro de viagem e, em primeiro plano, um momento icónico da Ericeira: uma série de pessoas apoiadas no Muro das Ribas assistindo ao que se passa no Porto de Pesca.

 

Muro das Ribas - ph. John Witzig

Como não tinham carro, exploraram a costa a pé ou apanhando o autocarro, mas não tiveram grande sorte quanto às ondas, aproveitando para apanhar mexilhões na maré vazia.

A segunda visita aconteceu em 1979, já com um carro para palmilhar a costa e com a boa fortuna por companheira: apanhando uma boa ondulação e ficando na Pensão Fortunato, Witzig escreve que “Havia muito para gostar nesta vila portuguesa… o marisco e o vinho, a costa selvagem e as ondas que chegavam a proporcionar óptimo surf, bem como a generosidade da população.”

Dessa segunda vez regista a existência de surfistas locais, bem como de alguns (não muitos) viajantes, a maior parte em carrinhas.

Na segunda montagem (com fotografias de Paul O’Grady, um então jovem australiano que estava a viver numa carrinha) encontra-se em grande plano a tal onda – possivelmente os Coxos… – que motivara a viagem inicial.John Witzig - ph. Paul O'Grady

Nota da redacção: a fotografia que se encontra em destaque neste artigo não é nenhuma das partilhadas na referida publicação do Instagram: essa imagem, em que se vê o lineup de Ribeira d’Ilhas, serviu de capa ao livro de John Witzig “A Golden Age – Surfing’s Revolutionary 1960’s and 70’s”, editado pela Rizzoli.

Esta publicação também está disponível em | This article is also available in: Inglês